CAFÉ ANDALUZ

Texto:  Alejandro Kauderer – pseudônimo de Diego Fortes
Direção: Diego Fortes
2005

Café Andaluz é um espetáculo resultante do processo de pesquisa de linguagem d’A Armadilha – cia. de teatro, que iniciou seus trabalhos em Curitiba, em 2001. Tem como base as cenas curtas e diálogos fragmentados, aliados a um conteúdo de grande escopo filosófico e sintético.

IMG_6884

A peça foi escrita por Diego Fortes sob o pseudônimo de Alejandro Kauderer e revisita textos de importantes artistas latinos como Julio Cortazar, Jorge Luis Borges e Roberto Juarroz.

Muitas pessoas passam pelo Café Andaluz e conversam sobre os mais diversos assuntos. Seis atores se revezam em micro-histórias, que constituem diálogos sobre o comportamento humano, as noções de realidade, o sonho e a memória. O espetáculo traz um humor sutil e irônico a todo o momento. A narrativa traz a tônica do teatro contemporâneo e por vezes traz elementos surrealistas.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s